Jequié/BA.

Mais notícias

A ofensiva contra os trabalhadores, a democracia e a soberania

O movimento sindical, os movimentos sociais, ao lado de outras

Leia mais

Conferência Nacional acontece de 2 a 4 de agosto

A categoria está se preparando para a 21ª Conferência Nacional

Leia mais

Justiça interrompe reestruturação na Caixa

A 4ª Vara do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª

Leia mais

Conferência aprova participação da categoria na greve geral

Os bancários da Bahia e Sergipe realizaram uma grande Conferência

Leia mais

Cresce a mobilização para a greve geral no dia 14

Trabalhadores de diversas categorias estão confirmando a participação na greve

Leia mais

A privatização dos bancos é um mau negócio para o Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, tem alardeado em eventos

Leia mais

A expectativa é grande para o 35º Congresso Nacional dos Empregados da Caixa (Conecef) e o 30º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil, que acontecem nos dias 1º e 2 de agosto, no Wyndham Garden Convention Nortel, em São Paulo.

Os eventos reúnem centenas de trabalhadores dos bancos para debater questões específicas do funcionalismo e estratégias de enfrentamento aos constantes ataques do governo Bolsonaro às duas instituições financeiras.

CONECEF

O 35º Congresso Nacional dos Empregados da Caixa vai debater a estratégia de luta, na defesa de direitos e da Caixa, tendo como base os seguintes temas: defesa da Caixa; saúde e condições de trabalho; Saúde Caixa; previdência; terceirização; desmonte dos direitos; defesa dos bancos públicos; Funcef; aposentados; mais empregados; verticalização; reestruturação e descomissionamento arbitrário.

Os sindicatos da base da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe enviarão juntos 18 delegados e delegadas para participar do encontro, sendo 14 trabalhadores da ativa e 4 representantes dos aposentados. A delegação terá a composição paritária de homens e mulheres, como determina o regimento do Conecef.

CNFBB

No 30º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil os temas para o debate serão de defesa do Banco do Brasil público; banco digital; Cassi e saúde do trabalhador; previdência pública e complementar; condições de trabalho e organização do movimento.

Os estados da Bahia e Sergipe serão representados por 11 delegados e delegadas, oriundos de várias bases sindicais.