Sexta será dia de luta em defesa da Caixa

O governo Bolsonaro e a nova direção do banco vêm promovendo diversos ataques contra os funcionários e contra o caráter público da Caixa. Para mostrar a indignação com o desrespeito aos trabalhadores e contrariedade às medidas privatistas que estão sendo implantadas, os sindicatos e empregados do banco realizam um Dia Nacional de Luta na próxima sexta-feira, 15 de março.

A ideia é realizar atividades nas agências para explicar os perigos da política desenvolvida pelo governo. As bandeiras de luta serão a defesa da manutenção da Caixa 100% pública e do seu papel social, contra a venda das áreas mais lucrativas do banco e as manobras que reduzem seu lucro, além de reivindicar mais reconhecimento ao trabalho dos empregados, o fim do assédio moral e a contratação de mais funcionários para os bancos.