Bancários participam do “Dia do Basta” nesta sexta-feira, 10

Os bancários da Bahia e Sergipe mostraram mais uma vez que não fogem à luta e decidiram participar do “Dia do Basta”, que acontece nesta sexta-feira, 10 de agosto. Em todas as bases, a categoria vai retardar a abertura das agências bancárias em uma hora, além de participar das atividades de ruas convocadas pelas centrais sindicais.

A participação nos protestos foi aprovada nas assembleias realizadas pelos sindicatos na noite desta quarta-feira (8), que rejeitaram a proposta dos bancos de reajuste de garantir apenas a reposição da inflação nos salários, PLR , vales, tíquetes e outra verbas econômicas. Com a proposta a categoria reafirmou a disposição de luta por aumento real de salários e garantia dos direitos contidos na Convenção Coletiva de Trabalho.

Dia do Basta

 Convocado pelas centrais sindicais e as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, o Dia do Basta é um protesto contra o desemprego e em defesa de direitos sociais e trabalhistas. O movimento vai envolver diversos tipos de ações, como atrasos de turno de trabalho, paralisações, panfletagens e atos públicos.

Em Aracaju, o ato unificado será na Praça General Valadão, às 15h, com a participação dos trabalhadores e os movimentos sociais sergipanos.

Em Salvador, as centrais realizarão uma grande manifestação no bairro do Comércio, com concentração marcada para as 9h, no Mercado Modelo, que terá a participação de várias categorias de trabalhadores e movimentos sociais. Mais cedo às 5h da manhã será realizado paralisações nas bases industriais.

O Dia do Basta acontece também em várias cidades da Bahia, como Juazeiro, Ilhéus, Jequié, Itabuna, Feira de Santana, Camaçari, Jacobina, Vitória da Conquista. Teixeira de Freitas, entre outras.

Jequié

Em assembleia realizada na noite de ontem, 08 de agosto, os bancários e bancárias de Jequié e região rejeitaram proposta da FENABAN, por UNANIMIDADE, e vão atrasar a abertura das agências em 1 hora, no dia 10 de agosto, sexta-feira, com participação na atividades do Dia do Basta.